Educar emoções a contar histórias

Educar emoções a contar histórias

As histórias fazem parte da nossa identidade social e cultural e são muito importantes para o desenvolvimento da criança.

A Relação entre Pais e Filhos

Contar histórias aos filhos pode ser um hábito que se desenvolve, e que estabelece e reforça laços de afeto entre pais e filhos, com muitos benefícios para ambos.

Este é um momento especial também para os pais, um momento em que podem cultivar presença. Sem mais distrações, podem dedicar a sua atenção aos filhos e viver momentos de verdadeira cumplicidade, fazendo sentir à criança, neste momento de partilha, o seu apoio e dedicação, fazendo com que se sinta amada e segura, contribuindo significativamente para a construção da sua estabilidade emocional.

Oferecer presença por inteiro não é fácil. As inúmeras solicitações e estímulos a que todos somos expostos diariamente fazem com que seja muito difícil dedicar estes momentos aos filhos, sem que estejam presentes em simultâneo muitos outros assuntos, preocupações e tarefas pendentes. Mas, tentar estar presente, por inteiro, e envolver-se no universo da criança, partilhando as suas reações à história, de surpresa, de excitação ou expetativa, à medida que esta se desenvolve, deixando-se também emocionar, entusiasmar e envolver, pode levar os pais a voltar a ver o mundo com um olhar de criança, um olhar de curiosidade e de abertura, em que tudo é observado, como se fosse a primeira vez.

Competências emocionais e sociais

Através das histórias, a criança constrói competências emocionais e sociais. Num ambiente seguro, através das aventuras vividas pelas personagens, a criança entra em contacto com diversas emoções e com diversos comportamentos humanos, o que a ajuda a compreender as suas próprias emoções e as emoções das outras pessoas, ampliando a sua consciência do mundo interior, e do mundo que a rodeia. Tem a oportunidade de desenvolver a empatia e a compaixão, ao ter a possibilidade de se colocar no lugar das personagens. E também aprender diferentes formas de comunicação e de expressão de emoções e sentimentos.

Imaginação e criatividade

As histórias são talvez a melhor forma de desenvolver a imaginação e a criatividade. Estimula a curiosidade, e a capacidade de compreender o mundo sob diferentes perspetivas, com abertura para novas possibilidades. Isto permite que a criança enriqueça a forma como encontra soluções para os desafios com que se vai deparando.

Contar histórias às crianças desenvolve ainda competências ao nível da linguagem, enriquecimento do vocabulário, compreensão da língua materna e promove hábitos de leitura.

Estas são razões mais do que suficientes para quando os seus filhos lhe pedirem: “conta-me uma história”, aproveitar esta maravilhosa oportunidade para criar um momento de sintonia e alegria com eles!

 

Susana Rocha

Professora de Mindfulness

 


www.educaremocoes.com

Facebook.com/educaremocoeskids