Nova Ordem Industrial no Estado Novo-1933-1968

Nova Ordem Industrial no Estado Novo-1933-1968

Fruto de uma rigorosa investigação, que serviu de base à tese de doutoramento da autora, esta obra permite acompanhar o desenvolvimento da indústria portuguesa no período de 1933 a 1968 e compreender as transformações urbanas e sociais que as fábricas provocaram na cidade de Lisboa. A obra é enriquecida pela reprodução de imagens de inegável valor histórico, nomeadamente fotografias da época, retiradas dos arquivos de empresas e revistas entretanto extintas, e planos de urbanização e plantas arquitetónicas, fisicamente dispersas em vários arquivos de difícil acesso pelo grande público. Inclui um prefácio da arquitecta Ana Tostões, professora no Instituto Superior Técnico e Presidente do DoCoMoMo Internacional, e uma nota introdutória da autoria de Maria João Neto, professora na Faculdade de Arquitectura. «Uma leitura clara e absorvente, que importa ao especialista mas também ao leitor comum interessado no processo de modernização da sociedade portuguesa e em particular da industrialização da área de Lisboa.» in Prefácio, de Ana Tostões «Uma obra que prova, com a competência e engenho da sua autora, a possibilidade de ser trilhado um caminho seguro e sério no levantamento, estudo e classificação destes exemplares [fábricas], permitindo a sua selecção num contexto de preservação e salvaguarda.» in Nota introdutória, de Maria João Neto

27.56

REF: 45050 Categoria: Etiqueta:

Em stock

  • Sobre o livro
  • Detalhes do produto

Descrição

Fruto de uma rigorosa investigação, que serviu de base à tese de doutoramento da autora, esta obra permite acompanhar o desenvolvimento da indústria portuguesa no período de 1933 a 1968 e compreender as transformações urbanas e sociais que as fábricas provocaram na cidade de Lisboa. A obra é enriquecida pela reprodução de imagens de inegável valor histórico, nomeadamente fotografias da época, retiradas dos arquivos de empresas e revistas entretanto extintas, e planos de urbanização e plantas arquitetónicas, fisicamente dispersas em vários arquivos de difícil acesso pelo grande público. Inclui um prefácio da arquitecta Ana Tostões, professora no Instituto Superior Técnico e Presidente do DoCoMoMo Internacional, e uma nota introdutória da autoria de Maria João Neto, professora na Faculdade de Arquitectura. «Uma leitura clara e absorvente, que importa ao especialista mas também ao leitor comum interessado no processo de modernização da sociedade portuguesa e em particular da industrialização da área de Lisboa.» in Prefácio, de Ana Tostões «Uma obra que prova, com a competência e engenho da sua autora, a possibilidade de ser trilhado um caminho seguro e sério no levantamento, estudo e classificação destes exemplares [fábricas], permitindo a sua selecção num contexto de preservação e salvaguarda.» in Nota introdutória, de Maria João Neto

Informação adicional

Peso0.746 kg
ISBN978-972-24-1759-4
Dimensões17 x 24 cm
Número de Páginas384
Encadernaçãocapa mole
Faixa Etária Todas as idades