A Pedra do Anel

A Pedra do Anel

Em Um Homem das Arábias e O Espião d’El-Rei, são narradas as missões do espião de D. João II em Fez, no Norte de África, e as duas primeiras etapas da sua aventurosa viagem até à Índia, em busca da Rota das Especiarias. Em A Pedra do Anel, Pêro da Covilhã prossegue nas suas andanças e navegações, através de mundos até então desconhecidos no Ocidente, em busca do Reino do Preste João que toda a Cristandade procurava há mais de duzentos anos. Este espião e aventureiro português do século XV, ajudado por um pequeno grupo de amigos e aliados, empreende uma peregrinação que, em perigos, desafios e mistérios, nada fica a dever à do herói Aragorn, de O Senhor dos Anéis, na saga de Tolkien. Pêro da Covilhã segue de Goa para Ormuz e daí navega pela Costa Oriental de África, sendo não só o primeiro europeu, como também o primeiro homem branco a viajar, por aquelas paragens, até Sofala, último lugar aonde os barcos mouros podiam chegar, conhecendo gentes, lugares e estranhos costumes, nunca antes vistos por olhos de um ocidental. Herói contraditório, misto de grandeza e fraca humanidade (por isso mesmo tão próximo de nós), paga um pesado preço em sacrifício e sofrimento, para levar a cabo com sucesso a sua missão e alcançar a almejada glória. De novo este romance aborda temas e episódios verídicos (ou como tal descritos pelos cronistas e viajantes do tempo) que, pela sua violência e bruta-lidade, poderão ser eventualmente chocantes para determinadas sensibilidades ou leitores mais jovens. Deana Barroqueiro

11.10

Esgotado

REF: 91005 Categoria: Etiqueta:
  • Sobre o livro
  • Detalhes do produto

Descrição

Em Um Homem das Arábias e O Espião d’El-Rei, são narradas as missões do espião de D. João II em Fez, no Norte de África, e as duas primeiras etapas da sua aventurosa viagem até à Índia, em busca da Rota das Especiarias. Em A Pedra do Anel, Pêro da Covilhã prossegue nas suas andanças e navegações, através de mundos até então desconhecidos no Ocidente, em busca do Reino do Preste João que toda a Cristandade procurava há mais de duzentos anos. Este espião e aventureiro português do século XV, ajudado por um pequeno grupo de amigos e aliados, empreende uma peregrinação que, em perigos, desafios e mistérios, nada fica a dever à do herói Aragorn, de O Senhor dos Anéis, na saga de Tolkien. Pêro da Covilhã segue de Goa para Ormuz e daí navega pela Costa Oriental de África, sendo não só o primeiro europeu, como também o primeiro homem branco a viajar, por aquelas paragens, até Sofala, último lugar aonde os barcos mouros podiam chegar, conhecendo gentes, lugares e estranhos costumes, nunca antes vistos por olhos de um ocidental. Herói contraditório, misto de grandeza e fraca humanidade (por isso mesmo tão próximo de nós), paga um pesado preço em sacrifício e sofrimento, para levar a cabo com sucesso a sua missão e alcançar a almejada glória. De novo este romance aborda temas e episódios verídicos (ou como tal descritos pelos cronistas e viajantes do tempo) que, pela sua violência e bruta-lidade, poderão ser eventualmente chocantes para determinadas sensibilidades ou leitores mais jovens. Deana Barroqueiro

Informação adicional

Weight 0.234 kg
Dimensions 14 x 21 cm